Vídeo Revela: Como Conquistar o Homem dos seus Sonhos e se Tornar uma Mulher IRRESISTÍVEL.

Coloque o seu e-mail:

Dicas de Saúde

Os 10 Alimentos que São Verdadeiros Antibióticos Naturais

Os 10 Alimentos que São Verdadeiros Antibióticos Naturais
Gostou do post? Avalie!

Os antibióticos têm um papel muito importante na medicina. Além disso, quando o sistema imunológico está sobrecarregado, eles podem ser muito úteis. No entanto, embora mais de uma centena de diferentes antibióticos tenham sido desenvolvidos desde a descoberta da penicilina, em 1928, as infecções ainda nos atingem. O problema é que as pessoas abusam do consumo de antibióticos e, como resultado, muitas bactérias acabam por criar resistência a eles. Os antibióticos podem ser a salvação, em alguns casos, quando usados apropriadamente. No entanto, o uso excessivo ou inadequado deles pode causar problemas de saúde generalizada.

os-10-antibioticos-que-a-natureza-nos-deuO que fazer para evitar esse problema: Consumir alimentos que são verdadeiros antibióticos naturais e que não oferecem risco de saúde nem de criar super-bactérias. Esse antibióticos naturais devem ser usados de forma regular numa rotina que visa à prevenção. Os antibióticos que compra na farmácia existem há menos de cem anos, enquanto os antibióticos naturais têm sido usados por mais de 2.000 anos. O uso adequado dos antibióticos naturais pode não só inibir infecções bacterianas, virais e fúngicas, mas também minimizar a necessidade de antibióticos farmacêuticos, com os seus efeitos secundários adversos.

Mas, como dissemos, eles precisam ser consumidos regularmente para formar uma proteção real. É preciso entender que a ação de um remédio natural é lenta, porém com baixíssima taxa de risco. Selecionamos o que, no nosso entendimento, são os sete melhores antibióticos naturais. Todos são facilmente encontrados no supermercado ou loja de produtos naturais. Inclua um ou mais deles na sua alimentação e terá muito mais resistência a infecções.

1. Açafrão-da-índia: Para muitos, nenhum outro alimento tem atividade antibiótica maior que o açafrão-da-índia (cúrcuma ou açafrão-da-terra). Os indianos já sabem disso e a usam há milhares de anos para combater dor de garganta e outras infecções. Consuma cúrcuma (se possível combinada com pimenta-preta) e sentirá uma maior resistência do seu corpo.

2. Limão: A elevada percentagem de potássio e vitamina C do limão faz com que seja um forte antibacteriano. A fruta pode ser consumida pura ou na forma de sumo com um pouco de mel.

3. Mel: O mel é especial para combater infecções e as suas enzimas ajudam a eliminar as bactérias.

4. Alho: O alho tem uma forte acção antibiótica e uma grande quantidade de antioxidantes. Ele elimina as bactérias que estão alojadas no nosso sangue e ajuda a manter o nosso sistema imunológico forte.

5. Cebola: Graças à sua elevada percentagem de enxofre e flavonoides, é excelente para problemas respiratórios, como gripe, bronquite e faringite.

6. Gengibre: O gengibre é muito potente para combater infecções e aliviar dores. Pode tomá-lo como chá ou adicioná-lo em sumos.

7. Alecrim: O alecrim é outro potente antibiótico natural. Ele possui uma intensa atividade bactericida, além de propriedades anti-virais. O chá de alecrim ajuda a combater os germes que podem invadir o organismo e causar infecções.

8. Própolis: A própolis é um antibiótico natural isento de efeitos colaterais. As propriedades terapêuticas da Própolis foram descobertas em tempos remotos. Já os antigos egípcios a utilizavam para cuidar do aparelho respiratório, de estados gripais, infecções de pele, cicatrização de feridas e outras infecções variadas. A própolis pode ser usada tanto na prevenção como no tratamento da gripe, asmas, bronquites e constipações. O seu uso já é consagrado no tratamento de sinusites, amidalites e renites. Não pode ser ingerido por muito tempo seguido porque acaba agindo, também, contra as bactérias que são importantes para o bom funcionamento do organismo.

9. Orégano: O orégano é um tempero conhecido no mundo inteiro. Mas além do sabor e do aroma marcantes, essa erva também é muito benéfica para a saúde. Ele é rico em substância bactericidas e, por isso, previne uma série de doenças. O orégano também contém antioxidantes, que reforçam o sistema imunológico e combatem os radicais livres. Basta adicionar as folhas cruas ou secas em suas receitas para aproveitar todos esses benefícios.

Estimulante das funções gástricas e biliares, funciona como sedativo, diurético e expectorante. Folhas frescas amassadas podem ser usadas em compressas para aliviar inflamações. Também é carminativo, emenagogo e diaforético. Bom para dores reumáticas, parasiticida, tem uma ação estimulante sobre o sistema nervoso. O chá morno pode ser usado em bochechos para aliviar dores de dentes, inflamação de gengivas e mucosas. Infusão é recomendada para as dores de cabeça nervosas e a irritabilidade.

10. Sementes de Uva: As sementes de uva são utilizadas para tratamento de problemas relacionados com o coração e vasos sanguíneos, como arteriosclerose, pressão alta, colesterol alto, e má circulação. Outras razões para usar as sementes de uva incluem complicações relacionadas a diabetes (como danos aos nervos e olhos), problemas de visão (como degeneração macular), e inchaço após lesão ou cirurgia. O extrato de sementes de uva também é usado para prevenção de cancros e cura de feridas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.